Teddy News

Número 104 - Ano 10 - Junho 2018

Gostou? Compartilhe

Somos Todos Global Fans!

O 28º Aniversário da Teddy Bear vai ser celebrado junto com o maior evento esportivo do ano, a Copa do Mundo.

Nesta ação, vamos comemorar nosso aniversário sorteando bolas e camisas oficiais das seleções do mundo. Todo o Teddy Bear Team vai ficar na torcida, tanto pelo Brasil quanto pelos nossos alunos.

Para participar, inscreva-se aqui e começe a torcer! Participe!

#SomosTodosGlobalFans

Reading and Writing | Incentivando o gosto pela leitura nas crianças e adolescentes

Como incentivar crianças e adolescentes a largarem seus celulares ou tablets e abrirem um livro? Com a facilidade de acesso a esses dispositivos crescendo a cada dia, essa pergunta tem sido cada vez mais comum entre pais.

Para conseguir estimular o gosto pela leitura, devemos sensibilizar o coração e a imaginação deles, tanto em casa quanto na escola. Seja pelo hábito de ler uma história para eles ou proporcionando espaços e atividades que despertem o prazer de ler um bom livro.

Confira neste blogpost como a Teddy Bear estimula o hábito da leitura (em inglês!) em seus alunos.

Intercâmbio: experiência para a vida!

Leonardo Guidi Kiatkoski (21) e Guilherme Guidi Kiatkoski (17) foram alunos da Teddy Bear desde muito cedo e aprenderam que o idioma inglês é a chave para ganhar o mundo. Confira o que eles têm a dizer sobre intercâmbio fora do Brasil.

Quando perguntamos aos irmãos Leonardo e Guilherme o que os levou a querer fazer intercâmbio e o que esperavam desta experiência, eles concordaram que viver em outro país “sozinhos” era muito estimulante e desafiador.

Leonardo disse que decidiu fazer intercâmbio por influência dos amigos do colégio e que esperava conhecer novos amigos, além de ter curiosidade em saber como era a escola de outro país. Já Guilherme contou que o fato do irmão já ter ido fez com que sentisse vontade de fazer intercâmbio também e imaginou que seria um grande desafio conhecer novas pessoas e uma cultura completamente diferente da dele.

Confira o que eles contaram na entrevista concedida ao Teddy News:

Qual curso/escola/país você escolheu e por que?
» Guilherme: Eu cursei o 2° semestre do Year 11 da North Lakes State College na cidade de Brisbane, que equivale ao 2° ano do ensino médio. Escolhi a Austrália por ser um país não tão comum para quem decide fazer intercâmbio, pela distância eu acredito, e sempre foi um país que tinha muita curiosidade para conhecer por não saber o que me esperava por lá.
» Leonardo: Fiz o Year 11 na Denis Morris High School na cidade de St. Catherines, no Canadá. Escolhi o Canadá pelo seu clima frio e por saber que a cultura é muito rica e as pessoas são muito “gente boa”.

De 1 a 10, qual o grau de importância de saber falar inglês quando se vai para outro país? Por que você acha isso?
» Guilherme: Com certeza 10!! Pois precisamos nos virar sozinhos, conversar com nossa Host Family, entender o conteúdo da escola e socializar com novos colegas.
» Leonardo: 10!!! Como a gente vai sozinho e não tem ninguém para nos ajudar, é muito importante que tenhamos um bom conhecimento de inglês pois não é fácil! Imaginem, por exemplo, uma aula de literatura canadense ou inglesa sem entender nada...

Qual a parte mais difícil de ficar longe de casa?
» Guilherme: O mais difícil de ficar longe de casa é o fato de não termos a intimidade que temos com nossos pais e irmãos e também senti falta do meu quarto, das coisas com as quais estou acostumado.

» Leonardo: Para mim o que mais “pegou” por ficar longe de casa foi a falta de carinho e a saudade da família.

Se você pudesse voltar no tempo, iria de novo? E o que você faria diferente?
» Guilherme: Sim, com certeza voltaria! Não mudaria nada do que fiz, talvez apenas poderia ter praticado um esporte local tipo rugby ou australian footbal, que é muito diferente de soccer e do futebol americano.
» Leonardo: Com certeza iria novamente e não mudaria nada do que fiz, pois todas as experiências boas e ruins que tive lá serviram para me ajudar a crescer.

Deixe uma dica de “global learner” para os alunos da Teddy Bear.
» Guilherme: Não hesitem em fazer intercâmbio! Se tiver dúvida, faça do mesmo jeito!
» Leonardo: Faça o máximo de amizades possíveis com os locais. Não fique andando só com outros brasileiros, porque o objetivo é conhecer outras culturas e praticar a língua inglesa.

Fique por dentro

Cadastre-se

Cadastre-se para receber as próximas edições do Teddy News diretamente no seu e-mail:

enviando...